1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer


Colegiado


Perfil dos Egressos
 Perfil Profissional dos Egressos

     A Coordenação do Curso Superior de Tecnologia em Sistemas em Computação da Universidade Federal Fluminense realizou uma pesquisa com o objetivo de traçar um perfil profissional dos egressos do curso, cuja primeira turma se formou no segundo período de 2007. A pesquisa foi realizada em maio de 2015.
     A metodologia utilizada foi um questionário disponibilizado por meio de um endereço eletrônico.
Segundo dados apurados, dos 288 (duzentos e oitenta e oito) alunos formados, 141 (cento e quarenta e um) responderam o questionário, perfazendo um total de 49%.
   Importante ressaltar que, dentre os egressos, 38% já cursaram ou estão cursando alguma pós-graduação, conforme a Figura 1.

figura1

                           Figura 1 - Você cursou alguma pós-graduação?

Já existem 22 (vinte e dois) tecnólogos com título de mestre e 1 (um) tecnólogo com doutorado, e ainda contamos com mais dois que estão cursando mestrado, em diversas instituições de ensino e pesquisa, conforme a Figura 2, e quatro cursando doutorado na UFF, UFRJ e PUC-Rio.

figura2
            Figura 2 - Em que instituição de ensino você cursou o mestrado?

Além desses, há 21% dos alunos com Especialização/MBA, cuja maior parte cursou na UFF, conforme a Figura 3.

figura3
             Figura 3 - Em que instituição de ensino você cursou a especialização?

Outros dados importantes são que 96% dos egressos atuam no mercado de trabalho ou em instituições acadêmicas, e dentre esses 70% atuam na área de computação. Dos que possuem atividades profissionais, 54% são funcionários, 9% são donos/sócios de empresa e 37% desempenham outras atividades relacionadas. Dentre os tecnólogos formados pelo curso, 52% atuam em empresas públicas, 35% atuam em empresas privadas, e os demais como prestadores de serviço, autônomos, em organizações sociais ou como bolsistas, conforme a Figura 4. Apenas 4% dos egressos estão fora do mercado de trabalho. Outro dado relevante é que uma parte desses ex-alunos também atuaram ou atuam como tutores do Curso Superior de Tecnologia em Sistemas de Computação.
figura4
               Figura 4 - Você trabalha em empresa/instituição pública ou privada?

     A maior parte dos egressos atua como analista de sistemas em empresas públicas e privadas e alguns já exercem cargos de gerência e direção.
    Considerando o resultado da pesquisa, concluímos que o Curso Superior de Tecnologia em Sistemas em Computação da Universidade Federal Fluminense vem formando profissionais preparados para o mercado de trabalho e com potencial para continuação de estudos em nível de pós-graduação. Ressaltamos que um dos egressos já possui título de doutor e atualmente atua como docente em instituição pública de ensino e pesquisa.

Atualizado em junho de 2015.



Programação do Workshop 2015
O VIII Workshop do Curso Superior de Tecnologia em Sistemas de Computação será realizado no dia 15 de maio de 2015, no Auditório do NAB - Núcleo de Água e Biomassa, no Campus Praia Vermelha da Universidade Federal Fluminense. A programação inclui palestras sobre o curso, áreas de pesquisa em computação, programa de pós-graduação e debate. Este evento tem a missão de inclusão e identificação dos alunos de polos CEDERJ/UAB com a universidade. Programação abaixo.

Data: 15 de maio de 2015

LOCAL: UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE - UFF

Campus Praia Vermelha

Auditório do NAB – Núcleo de Água e Biomassa

Rua Professor Edmundo March, s/n, Boa Viagem, Niterói, RJ 24210-330

PROGRAMAÇÃO

10:00 – 10:15 – Recepção aos Alunos

10:15 – 10:30 – Abertura

Prof. José Henrique Carneiro de Araújo, Diretor do Instituto de Computação da UFF

10:30 – 11:00 – "Curso de Tecnologia em Sistemas de Computação"

Professores Débora Muchaluat Saade (UFF), Igor Moraes (UFF), Antonio Augusto Rocha (UFF),
José Rezende (UFRJ) e Daniel Oliveira (UFF)

11:00 – 11:30 – "Pesquisas em Redes de Computadores"

Prof. Célio V. Neves de Albuquerque, IC/UFF

11:30 – 12:00 – "Pesquisas em Banco de Dados"

Prof. Daniel Cardoso M. de Oliveira, IC/UFF

12:00 – 12:30 – "Pesquisas em Games"

Prof. Esteban W. Gonzalez Clua, IC/UFF

12:30 – 14:30 – Intervalo para Almoço

14:30 – 15:00 – "ASSESPRO-RJ - Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação", Claudia Wilson, ASSESPRO-RJ

15:00 – 15:30 – "O Programa de Pós-graduação em Computação da UFF"

Profa. Vanessa Braganholo Murta, IC/UFF

15:30 – 16:00 – Debate com a Plenária e Encerramento

Mesa: Professores Débora Muchaluat Saade, Igor Moraes, Antonio Augusto Rocha, José Rezende e Daniel Oliveira

16:00 – 16:30 – Lanche


Depoimentos 2012

O evento está super organizado. Desde a cobertura financeira do translado até as palestras. Destaco como pontos positivos: o acesso aos professores, a interatividade que os alunos puderam ter expressando suas opiniões, dúvidas...; e o reconhecimento de falhas existentes no sistema CEDERJ por parte dos coordenadores e a disponibilidade de opções para resolvê-los. Gostei muito de ter participado do evento.

Foi muito boa a experiência, espero poder participar mais vezes. Conhecer os professores foi bem legal, expor e discutir algumas ideias. Houve alguns problemas com o transporte, mas na última hora tudo foi resolvido. Enfim, foi muito bom, abriu os meus olhos para novos horizontes.

Excelente! Melhorou muito, o do ano passado foi bom, mas nesse foi melhor. As sugestões de CC para o Cederj foram pertinentes, junto com os esclarecimentos de pós-graduação. Questões relativas a matérias como Física (na qual a avaliação obtusa do professor que gera o gabarito) e Álgebra Linear (na qual a nossa matéria é a única que o professor acha correto ensinar Espaço vetorial, antes de Sistemas lineares). Basicamente é isso!.

O evento é muito bom como um todo, principalmente pelo fato de trazer esclarecimento aos alunos sobre inúmeras particularidades da vida acadêmica, em todos os estágios, eu mesmo consegui informações muito importantes sobre mestrado e doutorado. Parabéns!

O II Workshop está sendo muito proveitoso para todos nós da modalidade EAD, aproximando o aluno à universidade. Gostaria que no próximo houvesse mais abrangência de áreas com apresentações de dissertações ou teses de sucesso realizadas pelos alunos de mestrado / doutorado respectivamente, estimulando assim ainda mais o aluno do CEDERJ à pesquisa. No geral, foi ótimo, porém poderia ser realizado frequentemente.

Muito bom!!! É bom saber que não estamos sozinhos e quero agradecer aos professores e coordenadores e colaboradores pelo incentivo. Gostaria que continuassem o seguimento de workshops. Esse momento é muito importante para nós e deve se repetir.

Em relação à explicação de como funciona o curso à distância, faltou expor as melhorias que o curso de Sistemas de computação teve nos últimos anos, só falaram do que ainda vão melhorar do curso. Teve ótimo esclarecimento sobre o programa de pós-graduação da UFF. Auxílio de como abrir um negócio na área de computação ou em qualquer outra área. Na minha opinião este evento em cada palestra mostrou cada setor de tecnologia da computação que eu posso escolher para atuar e principalmente fazer pós-graduação que a UFF oferece.

Gostei do workshop. Achei importante e animador saber sobre os ajustes que serão feitos para as disciplinas gargalo. Precisamos muito de uma fixação orientada do conteúdo das aulas para que não só possamos passar nestas disciplinas, mas consolidar o conhecimento e podermos aplicá-lo de fato.

Quero apenas agradecer e parabenizar a iniciativa. Estou feliz por esse feedback estar sendo realizado mais uma vez. Em especial gostei muito da palestra do Esteban Walter. O contado aluno-professor é muito importante e isso nos falta no dia-a-dia.

Excelente evento, onde alunos e professores podem interagir diretamente estreitando a distância que muitas vezes não é alcançada pelos tutores. Grande oportunidade de ganhos em conhecimento e aquisição de orientações e esclarecimento de dúvidas. Se possível este evento deveria ser semestral, pois é muito bom e com grande aproveitamento. Parabenizo todos os professores, colaboradores e coordenadores do evento, foi muito gratificante e muito emocionante para mim, um aluno EAD, conhecendo a sede da universidade que aprendi a amar.

Só tenho a elogiar o evento, até este momento ocorrido. Apreciei muito o fato de que mesmo em situação de greve, professores e outros profissionais se dispuseram a dedicar seu tempo para organizar e executar o workshop. As palestras me agregaram bastante conteúdo, desde a notícia sobre as novas aplicações práticas para melhorar o desenvolvimento do curso, até as palestras da Simone sobre pós, mestrado e doutorado, mostrando as áreas de pesquisa da universidade, e sobre empreendedorismo que me trouxe novos conceitos a respeito deste assunto. Este espaço e tempo dedicados hoje trouxe uma proximidade maior do aluno com a universidade e possibilitou a todos um grande network.

Avalio como muito positivo o workshop, pois há alguns anos cursando o CEDERJ é a primeira vez que tive a oportunidade de conhecer de perto as instalações da UFF, bem como os nossos professores. Temos também a oportunidade de sanar dúvidas persistentes, visualizar oportunidades no futuro e sugerir alguns pontos que consideramos importantes para melhoras os estudos e, enfim, os relacionamentos entre instituição e alunos e vice-versa. Portanto, parabenizo a iniciativa e sugiro que continue acontecendo periodicamente.

Workshop excelente para a integração dos alunos, professores, equipe administrativa e etc. Também para esclarecimentos sobre o curso e aberto ao debate. Muito bom também para motivação de seguir na carreira. Apenas um ponto negativo é o dia de semana, onde nem todos puderam comparecer.

Excelente evento. Faltou um pouco de tempo para dúvidas, mas não prejudicou o sucesso do mesmo.

No contexto geral um bom encontro entre os alunos e a universidade. As palestras foram interessantes e acredito que vieram a despertar o aluno para alguns aspectos ainda obscuros para um grupo de alunos. O tempo foi inimigo de alguns palestrantes, o que poderia ser melhor equacionado. O tour pelo Instituto foi apenas uma fila para o Bandejão. A estrutura da UFF foi pouco explorada. Para muitos a UFF ainda é inacessível, como se fosse algo que não possa atingir. Mostrar os espaços de estudo, os laboratórios e os serviços. Um workshop para alunos do 3º período e formandos seria muito interessante.

O workshop esclareceu diversas dúvidas sobre o curso, a interação oferecida nesta palestra é algo que falta no Cederj, e foi algo realmente interessante. Os palestrantes passaram muitas informações. Acredito por mais trabalhoso que seja de fazer estes workshops, é interessante fazê-los mais vezes ao ano.

Mais interação da turma. Falta a troca de experiência entre os alunos.

Foi um evento muito bom, com temas interessantes. Poderia ter um número maior de palestras, visto que a computação é uma área bem diversificada e com a possibilidade de ter mais alunos presentes. Vejo que os workshops são eventos que estimulam os alunos, levando-os a ter mais vontade de ter um maior aproveitamento no curso, e a utilizar de forma mais intensificada as tutorias presenciais e a distância.

O evento foi muito bom, pois permitiu a integração dos alunos com os professores do curso, dessa forma, conseguimos nos atualizar com as novas tendências em nossa área de estudos. Isso contou de forma bastante positiva. Como aspecto negativo, o tempo curto das palestras e o horário bastante apertado.

Em um geral, foi muito interessante, acredito que somente um dia seja pouco. Gostaria que o professor Esteban tivesse mais tempo para falar.

Muito bom, as apresentações da parte da tarde, dos professores Esteban e Igor foram mais práticas, por isso, mais interessantes.

Foi um trabalho muito interessante e instrutivo. Parabenizo a todos os envolvidos com o projeto.

Evento muito bom, assuntos interessantes, palestra muito voltada na área de T.I. mesmo. Em particular o projeto de Redes veiculares aplicado pelo professor Igor, achei um projeto inovador que fará (possivelmente) parte dos nosso dia-a-dia. Ponto negativo, algumas palestras foram muito rápidas devido à falta de tempo. Faltou uma série de pontos a serem abordados neste workshop.

Ótimo. Considerações: As palestras foram ótimas, pois condicionaram o contato direto com os professores responsáveis pelo curso. Bom também para dar mais um incentivo à conclusão do curso com histórias de sucesso de ex-alunos e projeção do mercado de trabalho na área. Sugestão: O workshop deveria ser dividido em 2 dias, para que todos os palestrantes pudessem apresentar seu trabalho completo.

O workshop foi bem motivador para nós alunos, que nem sempre temos oportunidade. Foi interessante em termos de conhecimento da nossa própria universidade e objetivo do nosso curso. Entretanto muitos não tiveram essa oportunidade por causa de contratempo de ônibus e do trajeto (como atrasos, houve alunos que chegaram meio-dia e que foram embora por causa da demora da condução). Mesmo assim, os palestrantes não deixaram a desejar e espero que o próximo seja tão proveitoso quanto este.

O ministrantes sempre bem preparados apresentaram de forma clara e pragmática os temas abordados, particularmente presto reverência à Profª vice-presidente de pós-graduação, Simone, esmiuçou com precisão as obscuridade que trouxe armazenadas de casa, com relação ao programa de pesquisa e iniciação científica de mestrado. Um ponto que preciso destacar versa sobre a iniciação à pesquisa. Do outro lado do horizonte, como eu, estudante de computação do Cederj, consigo um ingresso à pesquisa? Não houve formulário senão pessoas instruindo de como se deve conseguir. Tenho uma vontade imensa de pesquisar, contribuir e aplicar experimentos no ramo de redes, portadoras, comunicações wireless, e áreas afins, daqui a pouco me formo e todas as minhas ânsias impreteríveis serão postas à sargeta.

Excelente. Palestras muito bem elaboradas que com certeza mudaram a visão de muitos alunos quanto à perspectiva de fundo tecnológico, acadêmico e trabalho.

Produtivo e esclarecedor.

Gostei muito das palestras, só faltou organização na composição do horário de cada palestrante, 30 mim é muito pouco para falar e fazer perguntas, a divisão poderia ser feita assim: aumentar o tempo e diminuir a programação. Que no próximo encontro frisem mais nesses aspectos.

Prezados, o II workshop de palestras é uma ação empreendedora, da qual tenho o privilégio de participar, sendo assim uma ótima iniciativa que permite ao discente interagir com os professores e com os demais estudantes, além do conhecimento adquirido no evento. Parabéns pela iniciativa.

Sobre o curso: Deveria ser mais prático, ou seja, algumas disciplinas deveriam ter provas práticas e não teóricas, principalmente as ligadas à programação. Sobre o workshop: A palestra do prof. Esteban sobre O futuro dos vídeo games foi excelente, muito dinâmica e interessante.

O II workshop foi bem interessante, uma sugestão seria colocar palestras simultâneas, em que o aluno possa escolher qual palestra prefere assistir.

O workshop foi uma boa experiência, fez eu me sentir da UFF. As palestras me deram mais motivação para continuar o curso.

Felizmente este workshop superou minhas expectativas, pois através de palestras dinâmicas e um linguajar próximo a nossa realidade; e sem dúvida voltaria em anos futuros, especialmente pela palestra de Empreendedorismo e Perspectivas do Mercado e as motivações e dicas adquiridas pelas demais.

Esse workshop foi o meu primeiro e por isso não tenho muito a dizer, mas foi muito bom, as palestras foram ótimas. Nenhuma crítica a ser feita, até porque no momento estou no 1º período.

Gostaria de parabenizar toda a organização do workshop. Acredito que toda iniciativa é muito importante para os alunos. Espero que não pare por aqui, que outros workshops venham a acontecer, nós do pólo de Três Rios agradecemos esse carinho que a UFF tem demonstrado aos alunos. Mais uma vez, parabéns.

O workshop foi excelente. As palestras foram muito interessantes principalmente a sobre evolução dos games. Espero que mais eventos do tipo venham a ser realizados, pois essa aproximação com a faculdade é vital para nós. Espero que as propostas dos alunos sejam ouvidas, pois vemos muitos defeitos na estrutura do curso. Tirando isso, não tenho nada a reclamar do workshop em si.

Foi bom, no entanto foi corrido.

Informações úteis e produtivas.

Palestra altamente qualificada. Ótimo parecer técnico e científico de todos os palestrantes. Como aluno de 1º período do Cederj, do recém inaugurado polo da Rocinha, estas reuniões de alunos, tutores e professores são bastante gratificantes, as quais deveriam acontecer mais vezes a cada semestre.

São eventos que não substituem conteúdo curricular, mas são eventos paralelos que têm importância interativa, onde corpo docente tem oportunidade de entender melhor o que pensa e consequentemente as atitudes do corpo discente E por outro lado, o discente tem oportunidade de organizar ideias e repensar suas atitudes com relação ao seu futuro acadêmico.

Muito proveitoso, pois foram passadas informações preciosas que no polo não teríamos. Deveriam ser disponibilizados exercícios resolvidos para que o aluno tenha uma linha para seguir. Poderiam ser disponibilizadas algumas bibliografias para consulta e estudos.

Muito produtivo com relação às dúvidas sobre as tutorias.

Excelente! Críticas/sugestões: Faltou uma apresentação entre os polos/alunos; se possível, fazer também um workshop no sábado.

Teve muita desorganização em relação à viagem de ida ao workshop dos seguintes polos: Piraí, Nova Iguaçu, Belford Roxo e Duque de Caxias. Fomos prejudicados por falta de comunicação dos organizadores, dos polos e do motorista. Fiquei esperando no polo de Nova Iguaçu das 7:15 até 9:40 devido ao fato de que o ônibus não chegava e não tivemos nenhuma informação entre esses horários se o ônibus ia ou não nos buscar. Faltou maiores esclarecimentos sobre a locomoção entre os organizadores do workshop e os polos. Meu coordenador do curso só soube do horário dos ônibus no dia anterior ao evento e no horário da noite. Em relação ao motorista fica muito difícil dele parar na porta dos polos para pegar os alunos. Opinião: devia haver maior comunicação entre os organizadores com os polos. Principalmente com os coordenadores dos cursos, contato telefônico seria uma boa opção para solucionar esse problema. Para facilitar a ida ao workshop e assim diminuir o tempo de viagem, deveriam fazer um trajeto que o ônibus vai fazer para pegar os alunos e ir até a UFF. Uma solução seria colocar o ponto de encontro dos alunos com o ônibus em um lugar mais fácil de pegá-los, pois alguns polos são muito dentro dos municípios. Uma outra solução seria dar o telefone do motorista para os responsáveis dos polos. Para que os alunos saibam onde o motorista se encontra.

O workshop é uma ótima ideia, pois aproxima nós alunos da universidade. As palestras são ótimas, só aconteceu um problema com a chegada dos alunos dos pólos de Nova Iguaçu, Belford Roxo e Piraí devido ao atraso do ônibus no pólo de Piraí, pois não tinha nenhum responsável para verificar se já poderia seguir com o ônibus para buscar os alunos dos outros pólos. Isso atrapalhou, pois atrasou e nós perdemos o início do evento. Isso poderia ser melhor organizado para que não ocorra novamente.

Muito bom o workshop e acho que iniciativas e palestras como essa divulgando projetos, áreas de pesquisas, trabalhos, oportunidade de encarreiramento servem para motivar a busca do desenvolvimento na área de computação. Como sugestão, poderiam ser realizadas semestralmente nos pólos com uma quantidade menor de temas abordados mas com mais profundidade, ajudando e auxiliando os alunos na escolha de sua especialização na área de computação.

Muito boa a iniciativa da realização do evento. Destaco o fornecimento de transporte e da alimentação aos alunos participantes. Sugiro, como forma de aumentar o relacionamento, a realização de um coquetel de encerramento.

Parabéns pelo II workshop. Tudo que possa ser feito para acrescentar mais conhecimento aos alunos do Cederj é válido. E fique como um pedido, que tenhamos mais integração, atividades em prol de de uma melhor formação.

O seminário foi integrador no sentido de confirmar bases já discutidas fora do ambiente da Universidade, causando no aluno uma sensação de mais confiança na formação.

O conteúdo do workshop foi bastante instrutivo e animador, principalmente aos alunos calouros, pelo fato de os mesmos estarem sedentos de informações sobre o curso. O Cederj poderia desenvolver cartilhas que informem ao aluno sobre as principais atividades que sejam de acordo com projetos e pesquisas que são desenvolvidas na universidade, que têm a ver com o nosso curso.

Foi muito interessante, pois abordou vários temas pertinentes do curso, como o que fazer depois do Cederj, além de temas atuais de enriquecimento curricular.


Programação do Workshop 2017
XII WORKSHOP DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS DE COMPUTAÇÃO

UFF/CEDERJ/UAB

Data: 12 de maio de 2017

LOCAL: UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE - UFF

Campus Praia Vermelha

Auditório do Instituto de Computação

Rua Passo da Pátria, 156, São Domingos, Niterói, 24210-240

PROGRAMAÇÃO:

09:30 - 10:00 – Recepção aos alunos

10:00 – 10:10 – Abertura
Prof. José Raphael Bokehi, Diretor do Instituto de Computação da UFF

10:10 – 10:30 - "Estatísticas do Curso de Tecnologia em Sistemas de Computação",
Prof. Débora C. Muchaluat Saade, IC/UFF

10:30 – 11:05 – "Desafios de Programação"
Prof. Marcos Lage, IC/UFF

11:05 – 11:40 – Palestra do Prof. Uéverton Souza, IC/UFF

11:40 – 12:00 – Apresentação da INJunior, Empresa Júnior do IC/UFF
Matheus Martins, Diretor Presidente da INJunior

12:00 – 14:00 – Intervalo para almoço

14:00 – 14:35 – Palestra do Profª. Daniela Trevisan, IC/UFF

14:35 – 15:10 - "Pesquisa em Redes de Computadores"
Prof. Diego Gimenez Passos, IC/UFF

15:10 – 15:45 – "O Programa de Pós-graduação em Computação da UFF"
Prof. Vanessa Braganholo Murta, IC/UFF

15:45 – 16:30 – Mesa redonda

16:30 – Lanche e encerramento

Sub-categorias

PESQUISA PELO SITE

MENU

Início Instituto Laboratórios Departamento
Pesquisa Pós-Graduação Graduação Fale Conosco

CONTATO

IC-Mapa

Av. Gal. Milton Tavares de Souza, s/nº
São Domingos - Niterói - RJ
CEP: 24210-346

IC-UFF-Telefone-icone Fale Conosco

 Como Chegar

CONECTE-SE

IC-Conecte-se-Facebook IC-Conecte-se-Twitter

LINKS

Faperj Lattes Finep SBC PROGRAD
CAPES CNPQ SIAPENET IDUFF NDC

 

Desenvolvido por pela equipe de Suporte Técnico do Instituto de Computação - suporte.ic.uff.br - Web Designer: Emanuel Machado